Dicas para Instalação de Assoalhos de Madeira

Sobre a Instalação de Assoalhos

[Assoalhos de Madeira]

Dicas importantes de instalação

Versátil, o assoalho de madeira pode ser instalado em espaços residenciais ou corporativos, e é possível trabalhar com sua instalação em diferentes contextos e cenários.

Existem técnicas e detalhes no processo de instalação que são muito importantes para o resultado final, e por isso é necessário um profissional qualificado e experiente para sua realização.

A instalação dos assoalhos TG4 é considerada mais simples em relação às demais, já que essas estruturas são coladas diretamente no contrapiso.

Por outro lado, os assoalhos tradicionais se diferenciam por serem pregados ou parafusados em barrotes de madeira, que ficam embutidos no próprio contrapiso.


Contrapiso para Assoalhos

Passo a passo no preparo do contrapiso

De uma forma ou outra, é muito importante saber como preparar o contrapiso para cada tipo de obra, que pode contar com pisos térreos ou alocados em andares superiores.

No caso dos pisos térreos, por exemplo, a dica principal trata da utilização de uma lona plástica debaixo do contrapiso. A lona plástica deve ser colocada sobre a camada de pedra brita antes mesmo que se faça a massa de concreto para o contrapiso.

Em paralelo a isso, é fundamental que se consiga impermeabilizar a região em voga para impedir que a umidade suba para a madeira.

Para fazer o contrapiso usando a lona plástica, é necessário seguir um passo a passo com bastante atenção aos detalhes:

  1. Nivelar e socar a terra

  2. Colocar uma camada de pedra brita sobre a terra

  3. Estender a lona plástica sobre a pedra brita

  4. Fazer o contrapiso sobre a lona plástica

  5. Desempenar e alisar o contrapiso

  6. Pronto: o contrapiso está preparado para colocar o assoalho de madeira

Já no exemplo dos pisos em andares superiores, como ocorre em apartamentos e andares superiores de sobrados, não é necessário fazer o uso de lona ou impermeabilizantes por se tratar de contrapiso sobre laje.

De qualquer maneira, tanto para piso térreo quanto para pisos superiores, a base do contrapiso nunca deve ficar fraca, arenosa ou porosa. Pelo contrário: ela deve ser desempenada e lisa, de preferência quase queimada, para que consiga haver uma maior aderência pela cola.

[Contrapiso de Concreto para Pisos de Madeira]

Métodos de Instalação de Assoalhos

Assoalho TG4

Colado diretamente no contrapiso

[Método de Instalação de Assoalho TG4]

Assoalho Tradicional

Pregado ou parafusado em barrote embutido no contrapiso

[Método de Instalação de Assoalho Tradicional]