Pisos de Madeira Maciça

Sobre os pisos de madeira

[Pisos de Madeira]

O que são pisos de madeira maciça

Pisos de Madeira Maciça são produtos elaborados a partir de madeira sólida serrada e beneficiada originada de árvores de florestas tropicais. São formados por peças de madeira com medidas de espessura, largura e comprimento variando de acordo com o tipo do piso. Os tipos disponíveis são Assoalhos, Tacos e Parquets.

Os Assoalhos Tradicionais são feitos de tábuas de comprimentos variados com encaixes macho-fêmea, e sua instalação é realizada parafusando as tábuas em barrotes de madeira maciça dura embutidos no contrapiso de concreto.

Os Assoalhos TG4, Tacos e Parquets são feitos de pequenas peças de madeira, e são instalados colando as peças diretamente sobre um contrapiso ou algum piso já existente.

Possuem grande resistência e vida útil de 30 a 40 anos, ou até mais, dependendo da conservação, permitindo renovação com novo lixamento e acabamento. A manutenção é fácil, pois não necessita a aplicação de produtos para proteção, apenas limpeza com pano levemente úmido.


Tipos de pisos de madeira

Opções de pisos disponíveis

Nossos pisos de madeira são divididos em 3 grupos, os assoalhos, os tacos e os parquets, que são classificados de acordo com suas formas e medidas.

No grupo dos assoalhos temos o assoalho TG4 e o assoalho tradicional, no grupo dos tacos temos o taco e o tacão e no grupo dos parquets temos o parquet e o lamparquet.

  1. Assoalhos
    • Assoalho TG4
    • Assoalho Tradicional
  2. Tacos
    • Taco
    • Tacão
  3. Parquets
    • Parquet
    • Lamparquet



Assoalho envernizado de fábrica

[Pisos de Madeira]

Não precisa de acabamento após a instalação

Este tipo de assoalho já vem envernizado de fábrica e não precisa de lixamento e acabamento, o que reduz o tempo de instalação. Outro fator é que reduz a sujeira na instalação principalmente a poeira gerada pelo lixamento.

Estes assoalhos são do tipo assoalho TG4, e não são todos os tipos, apenas alguns modelos.

Principais características

  • Madeira Maciça
  • Instalação rápida e mais fácil
  • Não precisa de lixamento e acabamento
  • Pode pisar após 1 dia da instalação
  • Verniz óxido de alumínio de 9 camadas




Instalação

Como é feita a instalação

Na instalação as peças de madeira são coladas no contrapiso ou outro piso já existente, com cola especial para madeira, ou fixadas em caibros de madeira maciça embutidos no contrapiso, onde as peças são pregadas ou parafusadas.

Antes da instalação, alguns detalhes importantes devem ser observados no que se refere ao contrapiso, à colocação, ao lixamento e ao acabamento.

  1. Contrapiso
  2. O contrapiso deve ser feito de cimento bem reforçado e estar seco, liso e nivelado. Se for piso térreo, deve ser bem drenado e de preferência ter algum tipo de impermeabilização, como vedacit ou lona plástica.

  3. Colocação
  4. Na colocação o ambiente deve estar livre de umidade e protegido do sol. O tempo ideal para a colocação é de 30 dias após a conclusão do contrapiso.

  5. Lixamento
  6. O lixamento é feito em torno de no mínimo 7 dias após a colocação da madeira. Este prazo é necessário para a secagem da cola e a ambientação da madeira.

  7. Acabamento
  8. A última etapa é o acabamento, com a aplicação da pintura no piso lixado, e requer um prazo de 3 dias para secar antes de poder pisar. Existem alguns tipos que já vem com acabamento pronto de fábrica, necessitando apenas da colocação, e podendo pisar 1 dia após a colocação.


Manutenção e Conservação

[Pisos de Madeira]

Como manter e conservar o piso de madeira

A manutenção e a conservação são realizadas somente com vassoura, aspirador de pó e pano úmido bem torcido, sem contato direto com a água ou produtos de limpeza. Para uma boa conservação devem ser protegidos contra o excesso de luz solar. Existe a possibilidade de restauração com novo lixamento e aplicação de verniz até três vezes, possibilitando uma durabilidade de muitos anos.


Utilização de pisos de madeira

Ambientes onde são usados os pisos de madeira

Os pisos de madeira podem ser utilizados em diversos tipos de ambientes, e os principais fatores que determinam a sua utilização são o preço e a complexidade de instalação.

Principais utilizações:

  • Casas
  • Sobrados
  • Apartamentos
  • Salas Comerciais
  • Colégios
  • Quadras Esportivas
  • Palcos
  • Salões
    • Clubes
    • Eventos
    • Danças
    • Festas
    • Associações
    • Teatros